Médico(a), saiba TUDO sobre TELECONSULTAS com nossa equipe

Como medida de prevenção ao COVID-19, o CFM (Conselho Federal de Medicina) autorizou em caráter emergencial o uso da telemedicina no Brasil. Assim, os médicos podem atender pacientes à distância, evitando a transmissão do vírus para ambas as partes.

Isso vem gerando muitas dúvidas nos profissionais sobre como iniciar seus atendimentos, quais medidas devem ser tomadas para estar de acordo com as resoluções normativas e, acima de tudo, ter mais segurança no exercício de sua profissão.

Dúvidas frequentes:

E O PRONTUÁRIO DO PACIENTE, COMO EU FAÇO?

Existem meios físicos e virtuais para preencher o prontuário, que atendem às normativas e que são seguros. Sendo assim, é muito importante que você entenda qual se adequa melhor à sua realidade para se manter protegido de possíveis contratempos.

QUANTO ÀS RECEITAS, COMO FAÇO PARA ENVIAR AO PACIENTE?

Com as mudanças recentes na legislação vigente, você pode emitir sua receita de casa e enviar ao paciente para que ele retire diretamente nas farmácias, o que facilita e traz mais comunidade para ambos, além de ser prática já regulamentada pelos órgãos competentes.

MAS SEM TER CONTATO COM O PACIENTE, COMO FAÇO PARA RECEBER MEU PAGAMENTO?

Há meios eletrônicos de pagamento que facilitam muito esse processo. E para evitar possíveis problemas tributários, é importante que você planeje e defina junto ao seu contador quais caminhos devem ser tomados.

Tem mais dúvidas? Isso e muito mais a Tokio Consultoria resolve pra você. Clique abaixo e saiba mais com nossa equipe. Cuide dos seus pacientes – nós cuidamos de você.

—-